.Our Stat Bar

Profile for meiaonca

.tags

. todas as tags

.Setembro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
27
28
29
30

.Setembro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
27
28
29
30

.links

.Cachadas

. Setembro 2008

. Agosto 2008

.subscrever feeds

.pesquisar

 
Sexta-feira, 22 de Agosto de 2008

A 1ª Vez

Porto, 19/08/2006

A “Máquina” da Boavista à Foz - GC1AGFM
 
Uma vez recebido o GPS como prenda de aniversário a ansiedade de o utilizar numa geocachada foi crescendo. Mas que destino escolher? Consultando o site do Geocaching constatámos que as caches abundam pelos distritos de Aveiro e Porto, onde estamos a passar férias. As opções eram por isso muitas e os locais, na sua grande maioria, desconhecidos. Aproveitando os planos de um jantar romântico, tendo como cenário de fundo a costa da zona da Foz do Porto, escolhemos a nossa primeira geocahada, A “Máquina” da Boavista à Foz.
Antecipámos a partida de Arouca, terra natal da Susana, ainda muito verdinhos na utilização do GPS, e em boa hora o fizemos, pois constatámos que nem sempre a opção “Caminho Mais Rápido” corresponde à alternativa mais célere. Com mais ou menos atribulações, com mais ou menos indicações do GPS por estradas com sentido contrário (nota pessoal: actualizar o GPS) chegámos ao local pretendido. Este corresponde a um túnel na Foz do Porto, edificado para permitir a circulação do 1º sistema de transportes públicos sobre carris existente no país. Inicialmente movido por força animal, passou mais tarde a ser movido a vapor, tendo sido então apelidado por A Máquina. Em 1874 é aberta uma nova linha, desde a Praça Carlos Alberto até à Foz (Cadouços), via Boavista e Fonte da Moura, o que permitiu aos banhistas chegarem da Boavista às praias em 30 minutos. Dessa linha, apenas resta este túnel. (fonte Geocaher responsável pela cache).
Uma vez descoberto o local faltava descobrir a cache! Espreitámos no interior dos muitos buracos existentes na parede do túnel, alguns deles recheados pelos mais variados e repugnantes objectos, mas nada! Percorremos por diversas vezes o túnel, num e no outro sentido, mas não descobrimos o buraco certo!
Vencidos, mas não derrotados, demos a primeira Geocachada como fracassada e partimos. Afinal um belo fondue estava à espera. O bichinho do Geocache, esse foi connosco.
view details
publicado por Nuno Susana às 18:10

link do post | comentar | favorito
|